Rodrigo Gomes, o Mosca, renuncia ao cargo e não é mais presidente do Noroeste

  • Lucas Rocha

(Foto: Bruno Freitas/E.C. Noroeste)

Por meio de carta de renúncia entregue ao presidente do Conselho Deliberativo do Noroeste, Toninho Rodrigues, Rodrigo Gomes, o Mosca, informou sua renúncia ao cargo de presidente do Esporte Clube Noroeste. A informação foi divulgada por Emerson Luiz na 94FM e também foi confirmada pela equipe de reportagens da Jovem Pan News Bauru.

Mosca assumiu a presidência do Noroeste no início do último mês de de novembro, após ocupar o cargo de vice-presidente por três anos, enquanto o clube era presidido por Estevan Pegoraro. Durante sua gestão, o clube realizava grande campanha no Campeonato Paulista Série A-3 até a paralisação das disputas por conta da pandemia de coronavirus.

Com a perda significativa de receitas, a diretoria optou por dispensar alguns funcionários e não renovar nenhum dos contratos de 22 atletas que teriam seus vínculos finalizados com o clube até o fim do mês de maio. Ato que gerou certa resistência interna e também externa da opinião pública e torcedores.

Nos próximos dias, deverá ser confirmada a sequência de Leandro Palma, o Lelê, atual vice-presidente como comandante do clube, ou a convocação de novas eleições.