Governo de SP cria Corregedoria para supervisionar despesas de combate a coronavírus

  • Lucca Willians

Iniciativa amplia transparência de gastos públicos do Estado durante enfrentamento à pandemia de Covid-19

O Governo de São Paulo instalou uma Corregedoria Setorial Extraordinária para acompanhar e monitorar compras de bens e insumos, parcerias com o setor privado e demais ações de combate à pandemia de COVID-19 em São Paulo. A iniciativa é mais uma medida de transparência do Estado no enfrentamento ao coronavírus.

A nova Corregedoria será mobilizada pelas Secretarias de Governo, Saúde, Educação e de Desenvolvimento Social. A resolução conjunta foi publicada nesta quinta-feira (7), no Diário Oficial do Estado.

A Corregedoria será subordinada à Corregedoria Geral da Administração, órgão independente que acompanha os atos administrativos, e vai trabalhar articulada ao Comitê Gestor do Gasto Público, que avalia as despesas públicas de São Paulo no combate à pandemia.

A Corregedoria Extraordinária será uma unidade permanente de orientação e prestação de informações aos órgãos reguladores externos, como Ministério Público, Assembleia Legislativa e Tribunal de Contas do Estado.

Todas as compras para o combate ao COVID-19 são publicadas no Diário Oficial do Estado ou no site do Governo de São Paulo sobre coronavírus www.saopaulo.sp.gov.br/coronavirus/transparencia.