Coronel Meira: empresas não afetadas pela quarentena devem testar seus funcionários

  • Lucca Willians

O vereador cita que esses trabalhadores estão expostos ao contato com grande número de pessoas; medida aliviaria demanda para que poder público concentre esforços em regiões mais afetadas e profissionais de saúde (Foto: Divulgação | Câmara Municipal de Bauru)

O vereador Coronel Meira (PSL) defende que as empresas que, por atuarem em ramos de serviços considerados essenciais, não foram afetadas pela quarentena decorrente da pandemia do novo coronavírus, devam assumir a responsabilidade de testar seus funcionários

Na Sessão da Câmara de Bauru da última segunda-feira (15), ele pontuou que trabalhadores de estabelecimentos como supermercados, farmácia e até indústrias, desde o início da crise sanitária, estão expostos a contato com grande quantidade de pessoas, dos mais diversos segmentos da sociedade.

Dessa maneira, as empresas colaborariam com o diagnóstico da real situação da disseminação do agente causador da COVID-19 no município.

De acordo com o parlamentar, a medida é importante em razão dos casos assintomáticos, que podem transmitir o vírus para outras pessoas. "Com o diagnóstico positivo, essa pessoa seria afastada do trabalho, evitando riscos", frisou.

Coronel Meira pontuou que o poder público, até o momento, realizou quantidade insuficiente de testes, e com a chegada de mais kits para exames, poderá concentrar suas ações nos bairros, em regiões mais afetadas pelo novo coronavírus e profissionais de saúde.

Ele citou como exemplos positivos a empresa uma indústria de celulose de Lençóis Paulista, que testou seus colaboradores, e a Polícia Militar, que testará todos os integrantes da corporação e seus familiares.