Apesar da Justiça permitir o funcionamento, fiscalização fecha academias em Bauru

Nesta segunda-feira (12), equipes de fiscalização da prefeitura de Bauru, acompanhadas da Polícia Militar, estiveram em academias da cidade e tentaram fechar os estabelecimentos. Em uma das situações, na academia Marathon, a equipe da Jovem Pan News cobriu a abordagem dos fiscais e transmitiu a confusão, ao vivo, no Jornal da Manhã.

Os donos da Marathon argumentaram que os decretos municipais publicados até o momento reconhecem academias como atividades essenciais em todas as fases do Plano São Paulo e, portanto, teriam permissão para funcionar. O coordenador do movimento Reage São Paulo, Walace Sampaio, esteve no local e deu suporte aos empresários.

Questionado pela Jovem Pan, o secretário municipal de Saúde, Orlando Costa Dias, disse que buscou informações junto ao departamento jurídico da prefeitura e chegou à conclusão de que o munício deve cumprir as orientações estaduais. Segundo Costa Dias, as academias devem entrar na Justiça e pedir liminares que deem respaldo ao funcionamento. Confira a reportagem completa.