Polícia Civil identifica autor de comentários racistas contra Suéllen Rosim

Nesta quinta-feira (03), a Polícia Civil de Bauru informou, em coletiva de imprensa, que identificou a autoria dos comentários racistas feitos contra a prefeita eleita Suéllen Rosim. O autor não tinha intenção de se entregar à polícia ou de confessar o crime, mas quando percebeu que a investigação estava em etapa avançada, assumiu a responsabilidade. Aos policiais, o homem – que também é negro –, disse que tinha intenção de dar repercussão à causa e fazer com que comentários semelhantes fossem publicados por outras pessoas. Questionado sobre ter utilizado o nome de terceiros nas publicações, como o do jornalista Alexandre Pittoli, o acusado preferiu não responder.