Seleção de voluntários para pesquisa do medicamento Annita é encerrada em Bauru

  • Lucca Willians

A Secretaria de Saúde informou nesta sexta-feira (15) que a partir da próxima segunda-feira (17), não haverá mais recrutamento de voluntários para participar da pesquisa do medicamento Nitazoxanida, a popular ‘Annita’, contra a Covid-19. O estudo do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações – MCTI, iniciado no dia 07 de julho com a ação denominada #500VoluntáriosJÁ, atingiu o número de voluntários necessários entre as cidades brasileiras participantes.

Bauru seguirá apenas com o atendimento aos pacientes do retorno, que já se voluntariaram e estão participando da pesquisa. Foram cerca de 2.100 pessoas que passaram por triagem na UBS Geisel, das quais 54 atenderam aos requisitos, 17 testarem positivo para Covid-19, 03 desistiram por internação e as outras 14 começaram a usar o medicamento Nitazoxanida. A Previsão é que o resultado da pesquisa seja divulgado até dezembro pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações – MCTI.

Participam da pesquisa as cidades de São Caetano, Barueri, Guarulhos, Sorocaba e Bauru, Juiz de Fora, em Minas Gerais e Ceilândia, no Distrito Federal. Em Bauru, o estudo foi realizado na Carreta do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações ao lado da Unidade Básica de Saúde do Núcleo Geisel.