Piratininga libera atividade comercial no município

  • Jamile Diniz

Nesta terça-feira (26), a cidade de Piratininga, que se encontra na fase vermelha do Plano São Paulo, publicou um decreto liberando a abertura de lojas e academias limitados a 20% da capacidade de ocupação e respeitando o distanciamento de 1,5 metro.

O decreto volta atrás das decisões publicadas no domingo (24), quando o comércio de rua, restaurantes e outros estabelecimentos no município poderiam funcionar apenas nas modalidades de delivery e drive-thru.

De acordo com o prefeito, o major Jorge Luis, a mudança ocorreu após alegações de que, além dos prejuízos sofridos pelos comerciantes, a população da cidade se dirigiria até Bauru para fazer compras, o que também favorece a propagação da Covid-19.

Bebidas alcóolicas, porém, seguem proibidas de ser compradas das 22h às 6h.

*Revisado por Alexandre Pittoli