Operação Neighborhood prende 12 por tráfico de drogas em Bauru e Pederneiras

  • Jamile Diniz

Na imagem, o tenente-coronel da Polícia Militar Ézio Carlos Vieira de Melo, o delegado da Polícia Federal Ênio Bianospino e o delegado da Polícia Civil Marcelo Bertoli Gimenes na coletiva de imprensa. (Foto: Malavolta Jr.)

Na última quarta-feira (03), 13 pessoas foram presas em Bauru, Pederneiras e Ponta Porã durante a Operação Neighborhood. A ação, que foi uma parceria entre a Polícia Civil, Militar e Federal, tinha como objetivo combater não apenas o tráfico, mas também a distribuição, armazenamento e aquisição de drogas.

Os acusados compravam as substâncias ilícitas em Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul, e distribuíam em Bauru e Pederneiras. Como já noticiado pela Jovem Pan News Bauru no dia 02, as investigações começaram há seis meses e, desde então, já apreenderam quase uma tonelada de entorpecentes, especialmente maconha.

Financiados por um agiota bauruense, os criminosos mantinham as drogas no Jardim Nicéia, de onde faziam a distribuição para diversos bairros da cidade. O restante era encaminhado para a vizinha Pederneiras, em especial o bairro C-5.

A maioria dos envolvidos era de homens de cerca de 30 anos e baixo poder aquisitivo. O único que se distanciava desse padrão era o agiota, que também foi preso.

Dentre as 13 pessoas presas estavam 11 homens e duas mulheres, que foram encaminhados respectivamente ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Bauru e à Penitenciária Feminina de Pirajuí.