Monomotor que caiu sofreu perda de potência no motor, segundo Aeroclube

  • Welinton Barros

Aeronave precisou fazer pouso de emergência no canteiro central da rodovia Marechal Rondon (SP-300); o piloto e um passageiro tiveram ferimentos leves (Foto: Luiz Pereira | Jovem Pan News Bauru)

Um avião monomotor caiu na manhã desta sexta-feira (11), por volta de 10h30, no canteiro central da rodovia Marechal Rondon (SP-300), na região da base da Polícia Rodoviária em Bauru. Segundo o Aeroclube de Bauru, a aeronave sofreu perda de potência do motor e precisou realizar um pouso de emergência. A bordo estavam o piloto (instrutor) e um aluno, que tiveram ferimentos leves.

O avião modelo AB 115 e prefixo PP-FLJ, ficou parcialmente danificado. O Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), foi acionado para apuras as causas do acidente.

Em nota, o Aeroclube de Bauru afirmou que graças a experiência do piloto o acidente não causou danos maiores. "A cabine foi preservada durante o procedimento de emergência, ambos sofreram apenas escoriações leves e passam bem. O Aeroclube de Bauru está prestando toda assistência aos referidos Pilotos", diz o texto. O aeroclube informou ainda que o avião estava com a manutenção em dia.

O instrutor e o aluno já estavam fora da aeronave quando as equipes de socorro chegaram. Ambos tiveram ferimentos leves, foram socorridos e passam bem.

Confira nota do Aeroclube de Bauru na íntegra
O Aeroclube de Bauru vem informar que na manhã desta sexta-feira, 11 de setembro, por volta das 10:30h, durante atividade de Instrução, a aeronave PP-FLJ, Aero Boero AB-115, de propriedade da Agência Nacional de Aviação Civil – ANAC e cedido a esta Entidade, para atividades de Instrução e Formação de pessoal de Aviação Civil, sofreu perda de potência do motor, na decolagem, vindo a realizar pouso forçado, no canteiro central da Rodovia Marechal Rondon (SP-300), defronte a Base Operacional do Policiamento Rodoviário, nesta urbe.

Graças à experiência e elevada capacidade técnica de Instrutor e Aluno, não houve danos colaterais, a cabine foi preservada durante o procedimento de emergência, ambos sofreram apenas escoriações leves e passam bem. O Aeroclube de Bauru está prestando toda assistência aos referidos Pilotos.

A Força Aérea Brasileira (CENIPA) foi devidamente acionada pelo Aeroclube e uma equipe encontra-se a caminho do local do incidente, para iniciar os trabalhos de investigação conforme os protocolos internacionais da Aviação Civil.

Derradeiramente, o Aeroclube de Bauru informa que a aeronave (PP-FLJ) encontrava-se com sua manutenção em dia, tendo passado por ampla reforma e modernização, recentemente; e, sua respectiva documentação de aeronavegabilidade também encontra-se em ordem.

O Aeroclube de Bauru, com seus mais de 81 (oitenta e um) anos de existência reitera seu compromisso com a excelência de seu corpo de instrutores e com a segurança nas operações de suas aeronaves, motivo pelo qual o alto padrão de seus cursos de formação de pilotos é reconhecido tanto pela aviação civil brasileira, quanto pela internacional.