Gaeco cumpre mandado em Pederneiras contra suspeito de integrar grupo que transmite HIV intencionalmente

Mandados de busca e apreensão da Operação Antivírus foram cumpridos em cidades do interior de São Paulo – a exemplo de Pederneiras – em uma parceria entre o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público de São Paulo, e o MP do Rio de Janeiro.

O objetivo é desmantelar um grupo que estava se organizando por meio das redes sociais para transmitir intencionalmente o vírus HIV para outras pessoas. Um dos mandados de busca e apreensão foi cumprido em Pederneiras, na residência de uma pessoa envolvida com o bando, que é chamado de “Clube do Carimbo”.

A investigação do caso começou há alguns meses por meio de informações do grupo, que tem se organizado virtualmente e conta com integrantes de todo o Brasil. A operação mobilizou dezenas de policiais militares do Batalhão de Operações Especiais e promotores de Justiça do Gaeco em Bauru, Franca, São José do Rio Preto, Vale do Paraíba, ABC, Ribeirão Preto e na capital.

Revisado por Alexandre Pittoli