Em encontro com Eduardo Bolsonaro, Jaú reafirma interesse em comprar a vacina russa diretamente

  • Jamile Diniz

Os representantes do Executivo em Jaú, cidade que tem sofrido com o colapso do sistema de saúde em meio à pandemia, foram em busca de mais vacinas contra a Covid-19 para o município. O vice-prefeito, Tuco Bauab, foi até Brasília nesta segunda-feira (22) formalizar junto a Representação da Rússia no Brasil a intenção de comprar a vacina Sputnik V. Já Ivan Cassaro, prefeito de Jaú, foi a São Paulo pedir apoio a deputados para viabilizar a vacinação em massa em seu município.

Na última segunda-feira, 13 mortes por Covid foram registradas na cidade. Ainda assim, um decreto que flexibiliza as regras da fase vermelha foi publicado.

A vacina de origem russa ainda não foi analisada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A prefeitura, porém, esclareceu que o interesse pela Sputnik V existe desde que esta seja aprovada pelo órgão.

Dentre os deputados com quem Ivan Cassaro conversou, estavam Eduardo Bolsonaro e Gil Diniz. Durante o encontro, o prefeito de Jaú pediu a Eduardo, que é filho do presidente da república, que intercedesse em conjunto com o governo federal para garantir a vacinação em massa em Jaú.

Revisado por Alexandre Pittoli.