Deic de Bauru apreende 68 tijolos de maconha e detém duas pessoas

  • Lucca Willians

Homem foi flagrado entregando parte das drogas para uma mulher, em um estacionamento de supermercado

A Polícia Civil prendeu um homem, de 37 anos, e uma mulher, de 32, após flagrá-los na posse de tijolos de maconha. A ação aconteceu na noite desta segunda-feira (16), em Bauru, no interior do Estado. Ao todo, 68 tabletes da droga foram apreendidos.

Equipes da 2ª Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise), da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) da cidade, por meio de trabalho de inteligência, identificaram o homem como sendo o responsável pela distribuição de entorpecentes na cidade. Apurou-se, ainda, que ele praticava o crime com o uso de um veículo Hyundai Tucsson e realizava as entregas no estacionamento de um supermercado.

Com as investigações, os agentes também conseguiram saber o endereço do imóvel onde as substâncias eram guardadas pelo investigado. Diante disto, a equipe passou a monitorar a casa, localizada na rua Manoel Vitorino Rello de Araújo.

Em certo momento, os policiais civis visualizaram o investigado chegando na residência com seu carro e saindo após poucos minutos. Ele foi acompanhado e flagrado entregando uma caixa de papelão à motorista de outro carro, no estacionamento de um supermercado. Depois, ambos os veículos saíram do local.

O automóvel da motorista que recebeu a caixa foi abordado pela equipe da Deic na avenida Rodrigues Alves e com ela encontrados oito tijolos de maconha. Depois, os agentes foram até a casa do investigado, onde ele foi localizado, bem como R$ 1.000 em espécie.

Questionado sobre as drogas, o homem confessou que armazenava os entorpecentes em outro imóvel e indicou sua localização. No local, foram encontrados mais 60 tijolos de maconha, escondidos no fundo falso de uma parede. Também foram localizados uma balança de precisão e rolos de plástico filme.

Todo o entorpecente, que somou 47,9 quilos, foi apreendido para perícia. O restante do material, o dinheiro, bem como dois celulares e os veículos de ambos os abordados foram recolhidos.

A dupla foi presa em flagrante e levada à especializada, onde foi indiciada por tráfico e associação ao tráfico de drogas. Depois, foi levada à Cadeia Pública local, permanecendo à disposição da Justiça.