Comissão da Câmara retoma acompanhamento do andamento da Estação de Tratamento de Esgoto

  • Lucca Willians

Será apresentada a atualização dos cronogramas de serviços e contratual; o colegiado parlamentar é formado pelos vereadores Mané Losila, Luiz Carlos Bastazini e Markinho Souza

Por iniciativa da Comissão de Obras e Serviços Públicos, a Câmara Municipal de Bauru promove, nesta terça-feira (15), a partir das 15h, Audiência Pública para que sejam atualizados os cronogramas de serviços e contratual da construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE Vargem Limpa).

Desde o início da Legislatura, o colegiado realiza encontros trimestrais para a discussão e verificação do avanço dos trabalhos.

Esta será a primeira audiência pública do tipo, desde a conclusão, no mês de julho, da apuração de responsabilidades sobre problemas na concepção, na contratação e na execução da obra, por meio de Comissão Especial de Inquérito (CEI). Saiba mais

Entre os pontos a serem abordados nesta terça-feira, estão recentes notícias de eventuais atrasos do poder público em pagamentos à COM Engenharia, construtora responsável.

A Comissão de Obras é presidida pelo vereador Mané Losila (MDB) e tem como membros os parlamentares Luiz Carlos Bastazini (PTB) e Markinho Souza (PSDB).

Para a audiência, foram convocados o Departamento de Água e Esgoto (DAE) e a Secretaria Municipal de Obras.

Também foram convidados o procurador da República Pedro de Oliveira Machado; o promotor de Justiça Fernando Masseli Helene (Patrimônio Público); o promotor de Justiça Luiz Eduardo Sciuli de Castro (Meio Ambiente); o promotor de Justiça Libório Alves do Nascimento (Direito do Consumidor); o prefeito Clodoaldo Gazzetta; a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma); Polícia Ambiental; OAB-Bauru; Defensoria Pública; Conselho Gestor do Fundo de Tratamento de Esgoto; Arcadis Logos (empresa projetista); a construtora COM Engenharia; a Caixa Econômica Federal (CEF); e Assenag-Bauru.

Para evitar aglomerações no Plenário da Casa, os participantes darão suas contribuições por videoconferência.

Participação

Os cidadãos poderão enviar comentários, sugestões e dúvidas pelo canal de WhatsApp do Legislativo: (14) 98119-5511.

As contribuições são lidas e discutidas ao vivo. É necessária a identificação com nome completo, instituição que representa ou o bairro onde mora.