Diretor da ARTESP comenta sobre as praças de pedágio na cidade de Cabrália Paulista