The Morning Show: um retrato de jornalismo, poder e aparências

  • Marina Moia

Estrelada por Jennifer Aniston, Reese Witherspoon e Steven Carell, a série The Morning Show é uma produção original da Apple TV+ e já é um dos carros-chefe do novo serviço de streaming.

Com cerca de uma hora de duração por episódio, o seriado possui 10 capítulos que acompanham o noticiário The Morning Show, programa de maior audiência da emissora UBA. Há mais de 15 anos, Mitch Kessler (Carell) e Alex Levy (Aniston) são parceiros na bancada do jornal, até o dia que o mundo deles desaba. Kessler é demitido do programa por má conduta sexual e causa uma reviravolta não apenas na emissora, mas na vida de todos à sua volta.

Já a personagem de Witherspoon, Bradley Jackson, é uma repórter de outra cidade, que não trabalha na UBA, mas que por coincidências do destino acaba caindo no meio desta rede de poder que é o The Morning Show. 

Obviamente, o tema principal é extremamente relevante com os dias de hoje, principalmente por causa do “Me Too”, que inclusive é citado diversas vezes durante a série. Para aqueles que não conhecem, “Me Too” é um movimento que surgiu por volta de 2017 contra a agressão e assédio sexual. Ele ficou em evidência principalmente quando as primeiras acusações contra o poderoso produtor de cinema Harvey Weinstein incentivaram dezenas de mulheres a denunciarem não apenas contra ele, mas contra outros grandes nomes da mídia.

The Morning Show se destaca pelo alto grau das atuações, não apenas do trio principal, mas também de nomes como Billy Crudup, Mark Duplass, Gugu Mbatha-Raw e Karen Pittman. Quanto ao roteiro, assim que pensamos que entendemos tudo e que sabemos onde ele vai nos guiar, lá vem as reviravoltas e as mudanças de rumo que ninguém esperava.

Eu terminei o último episódio em pé porque não conseguia me conter no sofá com as últimas cenas (fiquem tranquilos que não darei spoilers), tamanha a minha empolgação com as viradas de roteiro. Eu me apeguei aos personagens, senti raiva de alguns, tristeza por outros, empatia por poucos. E, por ser formada em Jornalismo, acabei ficando fascinada ao mundo que foi mostrado nas telas e desejando que a segunda temporada (já confirmada!) chegue logo ao público.

A primeira temporada de The Morning Show está disponível no Apple TV+, que já está em serviço no Brasil e possui teste de gratuito de 7 dias para novos usuários. Confira o trailer.