Prefeitura de Bauru se reúne com empresários para discutir funcionamento do comércio

  • Lucca Willians

O prefeito Clodoaldo Gazetta e o secretário de saúde, Sérgio Henrique Antônio, se reuniram nesta sexta-feira (27), com representantes dos setores comercial e industrial da cidade. O objetivo era tirar dúvidas e discutir medidas de enfrentamento e precaução à disseminação do Coronavírus (Covid-19), adotadas pelo executivo, com base no decreto 14.679/20.

Participaram da reunião, que ocorreu por meio de vídeo conferência, os secretários municipais Everson Demarchi (Economia e Finanças), Letícia Kirchner (Planejamento) e Aline Fogolin (Desenvolvimento Econômico). Representando o setor econômico do município estiveram presentes o economista Reinaldo Caffeo (Presidente da Associação Comercial e Industrial de Bauru - ACIB), Wallace Sampaio (Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Bauru – Sincomércio), entre outros empresários. Além do vereador José Roberto Martins Segalla.

Os empresários argumentaram sobre a volta do funcionamento normal das atividades no comércio e indústria, como forma de não prejudicar a economia. Mas o secretário de Saúde e o prefeito Gazzeta foram enfáticos ao falar sobre a importância da colaboração do comércio neste período, para amenizar o surto de corona vírus na cidade, que está prevista para a segunda quinzena de abril, conforme secretário de Saúde.

O secretário também ressaltou que se houver liberação da atividade comercial, a disseminação corona vírus poderá ser alta, o sistema de saúde do município ficará sobrecarregado e poderá não ter estrutura para atender a todos os infectados.

Buscando melhorar a comunicação entre o órgão e as empresas e ser mais claro quanto às regras, o prefeito disse que poderá lançar um novo decreto com mais orientações para cada setor, prazos mais definidos e orientação sobre o que pode ou não funcionar. Gazzetta também enfatizou a “transparência nas ações e condutas conjuntas tomadas pelo executivo, conforme orientação técnica e científica do Comitê Gestor de enfrentamento do Corona vírus”.

O prefeito Clodoaldo Gazzetta deixou claro que a prefeitura busca o equilíbrio entre o que é necessário do ponto de vista sanitário e hospitalar. Além disso, pediu o apoio do setor econômico para evitar confusões de não cumprimento dos decretos. Gazzeta entende que a medida de isolamento social é dura, mas necessária e enfatiza que “não tomará nenhuma decisão que exponha a população de nossa cidade a um contágio absurdo por pensar no setor econômico, social ou industrial.”